Redes Sociais

Artigo

SÉRIE | Dez falácias sobre o Conservadorismo — “Nazistas e fascistas eram conservadores” (4)

Antonio Nunes Barbosa Filho

Publicado

em

Continuação da SÉRIE | Dez falácias sobre o Conservadorismo “São fanáticos religiosos” (1); “São contra a evolução, contra as inovações” (2), “São patrimonialistas” (3).

4) Quarta falácia – Que nazistas e fascistas eram conservadores! E costumeiramente somos a estes associados. Esta é talvez a maior, a mais absurda e a menos sustentável das falácias arremessadas ao encontro dos conservadores. É, pois, facilmente desconstruída, bastando para isso, justamente, analisar as três falácias anteriores.

Ora, não apenas o nazismo, como o fascismo e demais ideologias que pregaram e ainda pregam a supressão religiosa, a ruptura abrupta da ordem social e o crescimento do Estado, como o legitimado distribuidor de riquezas e promotor de igualdades, sobretudo para as classes menos abastadas de suas populações, caminham e se estabelecem em posições diametralmente opostas ao Conservadorismo, conforme já explicitado e demonstrado quando discorremos acerca das três falácias anteriores, abordando a religião, o modelo de evolução social e econômico preconizado, bem como de distribuição do excedente produzido no âmbito das famílias.

Portanto, inegavelmente superada, posto que integralmente refutada esta quarta falácia.

Continua…

SÉRIE | Dez falácias sobre o Conservadorismo“São fanáticos religiosos” (1); “São contra a evolução, contra as inovações” (2),“São patrimonialistas” (3), “Nazistas e fascistas eram conservadores” (4),“São demofóbicos” (5), “São homofóbicos” (6),“São misóginos” (7),“São racistas” (8); “São xenófobos” (9),“São covardes e violentos” (10)

Essa série foi publicada pelo colunista Antonio Nunes Barbosa Filho originalmente no site do Movimento Docentes Pela Liberdade (DPL).

 

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Engenheiro por formação, professor universitário por vocação e escritor por paixão, Nunes é autor de livros técnicos e infantis. Premiado como contista pela Academia Pernambucana de Letras.

alan correa criação de sites