Redes Sociais

Mundo

Twitter derruba conta de médica que denunciou a China 

Marcos Rocha

Publicado

em

Divulgação

O Twitter suspendeu, na última terça-feira (15), a conta da médica chinesa Li-Meng Yan.

A profissional é autora de uma denúncia contra a China.

Segundo ela, o novo coronavírus foi fabricado em um laboratório do país, na cidade de Wuhan, capital e maior cidade da província de Hubei.

Ainda segundo a médica, o local é supostamente controlado pelo Partido Comunista Chinês. As autoridades do país negam.

Saiba mais: Refugiada nos EUA, médica chinesa diz ter provas de que novo coronavírus foi criado em laboratório chinês

Ao acessar a conta de Li-Meng, a rede social informa que o perfil da médica “violou as regras do Twitter”.

Editor-chefe do Conexão Política; residente e natural de Campo Grande/MS | FALE COMIGO: [email protected]

alan correa criação de sites