Redes Sociais

Urgente

STF decide no dia 17 se Aécio vira réu por corrupção no caso JBS

Raul Holderf Nascimento

Publicado

em

Imagem: Evaristo SA/AFP

O senador Aécio Neves, do PSDB, pode virar réu por corrupção passiva e obstrução da justiça na próxima semana (17). Isso porque o Supremo Tribunal Federal vai analisar a denúncia da Procuradoria-Geral da República.

O tucano foi denunciado no ano passado após a delação premiada dos empresários Joesley e Wesley Batista, do grupo J&F.

Segundo a denúncia, apresentada há mais de 10 meses, Aécio solicitou a Joesley Batista, em conversa gravada pela Polícia Federal (PF), R$ 2 milhões em propina, em troca de sua atuação política. O senador foi acusado pelo então procurador-geral da República, Rodrigo Janot, os crimes de corrupção passiva e tentativa de obstruir a Justiça.

Também são alvos da mesma denúncia a irmã do senador, Andrea Neves, o primo dele, Frederico Pacheco, e Mendherson Souza Lima, ex-assessor parlamentar do senador Zezé Perrella (MDB) flagrado com dinheiro vivo. Todos foram acusados de corrupção passiva.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Professor, cristão, colunista, e redator. Amo ciências políticas, sou conservador e nordestino com orgulho.

alan correa criação de sites