Redes Sociais

Urgente

Aécio Neves vira réu por corrupção e tentativa de obstrução à Lava Jato

Joesley Batista afirma ter pago propina de R$ 2 milhões ao deputado e sua irmã em 2017.

Marcos Rocha

Publicado

em

Evaristo Sá | AFP

Nesta sexta-feira (5), a Justiça Federal de São Paulo confirmou a denúncia em desfavor do deputado federal Aécio Neves (PSDB-MG) feita em 2017 pelo ex-PGR Rodrigo Janot.

O parlamentar responderá por corrupção passiva e tentativa de obstrução às investigações da Operação Lava Jato.

De acordo com a peça acusatória, o político teria recebido uma propina de R$ 2 milhões do Grupo J&F.

Também foram denunciados Andréa Neves (irmã do deputado), um primo dele e um assessor parlamentar.

Em troca dos valores, Aécio teria prestado à favorecimentos políticos a Joesley Batista.


O Conexão Política é um portal de notícias independente. Ajude-nos a continuarmos com um jornalismo livre, sem amarras e sem dinheiro público »APOIAR

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

FALE COMIGO: [email protected] | Editor-chefe do Conexão Política | Residente e natural de Campo Grande/MS

alan correa criação de sites