Redes Sociais

Brasil

Witzel terá 10 sessões para se defender de acusações em impeachment

Tiago Netto

Publicado

em

Fernando Frazão/Agência Brasil

Foi publicada no Diário Oficial do Estado, nesta terça-feira (7), a decisão da comissão especial da Alerj (Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro), que analisa o pedido de impeachment de Wilson Witzel (PSC), de retomar os prazos para a apresentação da defesa dele no processo.

Com isso, o governador terá prazo de 10 sessões para se defender das acusações de crime de responsabilidade.

Segundo o presidente da comissão, o deputado estadual Chico Machado (PSD), a decisão foi baseada na inclusão de outros documentos no processo e em uma lei federal sobre o rito de impeachment.

A contagem estava suspensa desde o dia 24 de junho, depois de a defesa de Witzel alegar que a denúncia apresentada não reuniu os registros necessários para comprovar os fatos.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Colunista do Conexão Política. Brasileiro com muito orgulho e apaixonado por esta nação. Cristão.

alan correa criação de sites