Redes Sociais

Últimas

Witzel diz que crise da água no Rio pode ter sido “sabotagem” para “manchar a gestão”

Marcos Rocha

Publicado

em

Witzel diz que crise da água no Rio pode ter sido "sabotagem" para "manchar a gestão" 15
Agência Brasil

Nesta segunda-feira (20), o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, declarou que a crise da água fornecida pela Cedae (Companhia Estadual de Águas e Esgotos do Rio de Janeiro) pode ter sido uma “sabotagem”.

De acordo com ele, a intenção seria “manchar” a imagem da companhia para o leilão de concessão. Witzel, no entanto, não detalhou quais seriam essas ações para sabotar a Cedae, mas disse que o governo estadual trabalha para resolver o problema no fornecimento de água.

“Eu desconfio que foi uma sabotagem para manchar a gestão eficiente que está sendo feita na Cedae preparando ela para o leilão. Nós estamos trabalhando para resolver o problema. O que aconteceu até agora foi uma grande falha de previsão e manutenção, mas não se pode esquecer que, há décadas, faltam investimentos na Estação de Tratamento (ETA) do Guandu, que superam R$ 30 bilhões. Não podemos fazer esse investimento com o Estado quebrado como recebemos”, disse o chefe do Executivo estadual.

A declaração foi dada em entrevista durante a inauguração da Operação Segurança Presente em Copacabana, Zona Sul do Rio, que começou nesta segunda-feira (20).

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

FALE COMIGO: [email protected] | Residente e natural de Campo Grande (MS), editor-chefe do Conexão Política e estudante de Ciências Jurídicas.

Parceiros

alan correa criação de sites