Redes Sociais

Brasil

Unidades de Pronto Atendimento do Rio registram apenas 8% de casos de covid-19, diz UFRJ

Tiago Netto

Publicado

em

Reprodução

Os resultados preliminares de uma pesquisa da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), do Laboratório Central Noel Nutels e do Hemorio, revelam que a prevalência da infecção em Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) da capital é de 8%, segundo o Jornal Extra.

— Esses resultados mostram que houve queda no número de casos na capital, mas o vírus continua a circular muito. Ele não foi embora. Os números nos dão um indicador bom de tendência da pandemia. (…) E a tendência, até este momento, é de que o coronavírus se torne endêmico e cause surtos menores. E isso só vai terminar, com segurança, quando tivermos uma vacina – diz o professor titular de Virologia e chefe do Laboratório de Virologia Molecular da UFRJ, Amílcar Tanuri.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Colunista do Conexão Política. Brasileiro com muito orgulho e apaixonado por esta nação. Cristão.

alan correa criação de sites