Redes Sociais

Brasil

Testes indicam que gás ozônio poderia eliminar coronavírus com 99,9% de eficiência

Redação

Publicado

em

Imagem: Reprodução

Uma desenvolvedora de soluções tecnológicas com gerador de ozônio (O3) pode ter encontrado uma nova arma contra o coronavírus. Após realizar testes com o gás no laboratório da Universidade Federal de Santa Catarina, a Wier, startup em questão, constatou que ele foi eficiente na eliminação de 99,9% das amostras de dois tipos de vírus em ambientes fechados e com alto fluxo de pessoas – sendo que um deles possui semelhanças com o Sars-CoV-2, causador da covid-19.

Segundo o site Tecmundo, o CEO da empresa, Dr. Bruno Mena Cadorin, está bastante otimista.

“O ozônio pode eliminar microrganismos em ambientes onde ele possa estar, como veículos, salas de espera, quartos de hotéis, leitos de hospitais, residências, entre outros locais similares. Nesse cenário, a solução ajuda a diminuir a propagação do vírus e na prevenção de novos casos da doença”, afirma Cadorin.

Pesquisas e aplicação

De acordo com a empresa, o equipamento usa tecnologias de plasma frio e ozônio, produzindo o gás que é capaz de combater microrganismos como bactérias, vírus e fungos presentes no ar, na água e em superfícies de maneira segura e eficiente.

“A aplicação é simples e ocorre por meio de um equipamento chamado Gerador de Ozônio com tecnologia de plasma frio, o qual é compacto, de uso simples e intuitivo. Outro lado positivo é que a tecnologia é sustentável e ambientalmente correta”.

Geradores de ozonio/ Wier.

As pesquisas foram realizadas da seguinte maneira: testes virucidas foram feitos a 5, 30 e 60 centímetros do equipamento, em câmara fechada, entre 23 °C e 20 °C, no tempo fixo de 60 minutos de exposição. Como o gás se espalha facilmente pelos ambientes, proporciona uma higienização acima da média.

Ainda segundo Cadorin, a grande vantagem é que não se trata de ozonioterapia e uso de ozônio em pessoas, mas sim do uso do ozônio em ambientes contaminados como um sanitizante. Ou seja, trata-se de uma maneira de conter a disseminação quando a curva de contaminação for, enfim, controlada.

 

Com informações, Tecmundo.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

O Conexão Política é um portal de notícias independente — compromissado em transmitir os fatos. Analisamos e cobrimos os principais assuntos da política. Contribua: apoia.se/conexaopolitica

alan correa criação de sites