Redes Sociais

Brasil

RJ: Operação mira contratos da Cedae

Tiago Netto

Publicado

em

Divulgação

A Polícia Civil e o MP do Rio de Janeiro realizam, na manhã desta quarta-feira (1º), a operação Águas Claras, na sede da Cedae, a Companhia Estadual de Águas e Esgoto do estado. A operação mira em contratos fraudulentos da empresa.

São 14 mandados de busca e apreensão, que estão sendo cumpridos na sede da empresa, no centro do Rio, e na casa de ex-dirigentes, servidores e funcionários de uma empresa de engenharia.

Segundo investigações, iniciadas há dois anos, as fraudes aconteceram em licitações feitas em 2017 e 2018.

O grupo chegou a movimentar cerca de R$ 63 milhões, praticando dispensa de licitações, assim como superfaturamento na aquisição de produtos.

O recebimento da propina, de acordo com a polícia, era feito em dinheiro, uso de cartão corporativo ou até mesmo através de aluguel de carro.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Colunista do Conexão Política. Brasileiro com muito orgulho e apaixonado por esta nação. Cristão.

alan correa criação de sites