Redes Sociais

Últimas

Projeto cria cota no mercado de trabalho para mulheres que sofrem violência doméstica

Marcos Rocha

Publicado

em

Pedro França | Agência Senado

Na última quarta-feira (10), a Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado Federal aprovou um projeto que reserva a mulheres em situação de violência doméstica e familiar, ou de vulnerabilidade social, ao menos 5% das vagas de emprego nas prestadoras de serviços a terceiros.

O Projeto de Lei do Senado 244/2017 recebeu parecer favorável. Caso não haja recurso contra o relatório, o PL será enviado à Câmara dos Deputados.

De acordo com a senadora Rose de Freitas (Podemos-ES), autora da proposta, a medida visa contribuir para que mulheres nessas situações possam se desvencilhar economicamente dos algozes e, assim, romper o ciclo de violência.

“Possibilitar à mulher uma garantia do vínculo empregatício viabilizará o rompimento da dependência de seus cônjuges ou companheiros em caso de violência doméstica e familiar”, declarou.


O Conexão Política é um portal de notícias independente. Ajude-nos a continuarmos com um jornalismo livre, sem amarras e sem dinheiro público » APOIAR

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

FALE COMIGO: [email protected] | Editor-chefe do Conexão Política | Residente e natural de Campo Grande/MS

alan correa criação de sites