Redes Sociais

Brasil

“Povo armado jamais será escravizado”, afirmou Bolsonaro em vídeo divulgado pelo STF

Tiago Netto

Publicado

em

Valter Campanato | Agência Brasil

Em trecho do vídeo divulgado pelo ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal, da reunião ministerial, Bolsonaro reafirmou sua posição favorável ao armamento da população.

O presidente expressou preocupação com, em algum momento futuro, assumirem o governo do país com a intenção de impor uma ditadura, por encontrar a população desarmada.

“O que esses filha de uma égua quer, ô Weintraub, é a nossa liberdade. Olha como é fácil impor uma ditadura no Brasil. Como é fácil. O povo tá dentro de casa. Por isso que eu quero, ministro da Justiça e ministro da Defesa, que o povo se arme! Que é a garantia que não vai ter um filho da puta aparecer pra impor uma ditadura aqui! Que é fácil impor uma ditadura! Facílimo! Um bosta de um prefeito faz um bosta de um decreto, algema, e deixa todo mundo dentro de casa. Se tivesse armado, ia pra rua. E se eu fosse ditador, né? Eu queria desarmar a população, como todos fizeram no passado quando queriam, antes de impor a sua respectiva ditadura. Aí, que é a demonstração nossa, eu peço ao Fernando e ao Moro que, por favor, assine essa portaria hoje que eu quero dar um puta de um recado pra esses bosta! Por que que eu tô armando o povo? Porque eu não quero uma ditadura! E não da pra segurar mais! Não é? Não dá pra segurar mais”, declarou.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Colunista do Conexão Política. Brasileiro com muito orgulho e apaixonado por esta nação. Cristão.

Parceiros

alan correa criação de sites