Redes Sociais

São Paulo

Polícia Federal indicia 96 pessoas por fraudes em escolas municipais de São Paulo

Davy Albuquerque

Publicado

em

Polícia Federal indicia 96 pessoas por fraudes em escolas municipais de São Paulo

A Polícia Federal indiciou nesta sexta-feira (13), 96 pessoas, entre prefeitos, empresários e servidores públicos de São Paulo, por fraudes em licitações de merenda, uniforme e material escolar. Os indiciamentos foram realizados no âmbito da Operação Prato Feito, deflagrada em maio de 2018 para investigar 5 organizações criminosas que atuaram em pelo menos 30 municípios do estado de São Paulo.

A operação cumpriu 154 mandados de busca e apreensão para investigar 65 contratos, cujos valores totais ultrapassavam R$ 1,6 bilhão. As ordens foram expedidas pela 1ª Vara Federal Criminal da Capital e pelo Tribunal Regional Federal (TRF) da 3ª Região.

A Polícia Federal indicou que dos 13 prefeitos, quatro tiveram seus mandatos cassados pelas Câmaras dos Vereadores de suas respectivas cidades. A corporação pediu o afastamento de alguns gestores e agora aguarda manifestação do TRF-3 sobre as medidas cautelares.

Segundo uma apuração, a Polícia Federal concluiu que existe participação em crimes dos prefeitos de Mauá, Mongaguá, Embu das Artes, Cosmópolis, Laranjal Paulista, Registro, Pirassununga, Holambra, Barueri, Paulínia e Caconde.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Colunista político e editor-chefe do Conexão Política; Fundador do Movimento Brasil Conservador. Brasileiro com orgulho, cristão por convicção, política por vocação.

Parceiros

Publicidade

alan correa criação de sites