Redes Sociais

Últimas

Paulo Guedes diz que governo Bolsonaro terá Secretaria de Privatizações

Marcos Rocha

Publicado

em

Imagem: Reuters

O futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, confirmou nesta terça-feira (20) que o governo do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), terá uma Secretaria de Privatizações para acelerar o programa de venda de ativos brasileiros.

Ele foi abordado por jornalistas ao chegar ao Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), sede do gabinete de transição de governo.

A nova área deve começar a atuação em 2019 e deverá ser vinculada diretamente ao super Ministério da Economia que será comandado por Guedes (que reunirá Fazenda, Planejamento e Indústria, Comércio Exterior e Serviços).

Durante a campanha presidencial, o futuro ministro defendeu a necessidade de privatizar estatais e órgãos federais específicos como forma de fazer caixa a fim de reduzir o endividamento público do país. Foram citados os Correios e subsidiárias da Petrobras. 

A intenção do grupo econômico seria colocar a política de venda de ativos no centro das decisões do governo, sinalizando essa ação como uma das prioridades da futura gestão.

O presidente eleito tem afirmado que o processo de privatizações será sustentado em um plano específico e bem definido.

O presidente eleito tem dado respaldo ao plano de privatizações de Guedes, seu “posto Ipiranga”, mas sempre demonstra que tais medidas deverão ser feitas com total responsabilidade.

 

 

CONTATO: [email protected] | Editor-chefe do Conexão Política, residente e natural de Campo Grande/MS, assistente de gabinete junto ao Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJ/MS) e estudante de Ciências Jurídicas.

Publicidade
1 Comentário

1 Comentário

  1. Avatar

    João

    23.11.2018 at 12:41

    Menos governo, mais mercado!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Apoiar

Parceiros

Publicidade

alan correa criação de sites