Redes Sociais

Brasil

Pandemia no futebol: Botafogo, Flamengo e Vasco demitem funcionários

Tiago Netto

Publicado

em

Reprodução

Em meio à crise financeira e com o futebol paralisado devido pandemia do novo coronavírus, o Vasco vai demitiu mais de 50 funcionários nesta última segunda (11). Além disso, o clube terá de reduzir seu quadro de funcionários e busca acordos de rescisões.

O Vasco não foi o primeiro clube a tomar esta medida drástica. Entre os quatro grandes do Rio, apenas o Fluminense não tomou tal decisão. No fim de maio, o Flamengo demitiu dez funcionários ligados à base. Na segunda-feira da semana passada (4), o Botafogo demitiu mais de 40 funcionários.

No final de abril, o Vasco havia anunciado a suspensão do contrato de cerca de 60 funcionários por dois meses. No acordo, os colaboradores demitidos receberão, de forma parcelada, os salários atrasados e a verba rescisória. A primeira parcela será paga no ato da demissão.

Com informações, jornal O Dia.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Colunista do Conexão Política. Brasileiro com muito orgulho e apaixonado por esta nação. Cristão.

alan correa criação de sites