Redes Sociais

Escócia

Objetos satânicos são encontrados em residência oficial da rainha escocesa

Em uma área isolada do Parque Holyrood, em Edimburgo, Escócia, foram encontrados dois misteriosos objetos que estariam ligados a um culto satânico.

Redação

Publicado

em

Uma placa de metal circular ornamentada, representando um pentagrama com duas figuras: uma figura masculina com chifres e uma figura feminina em uma pose de rendição. A figura masculina provavelmente representa uma entidade demoníaca conhecida como Baphomet.

O pentagrama é um símbolo reconhecido do paganismo e também é usado no satanismo.

O segundo achado foi um “altar” de concreto enterrado no solo, aparentemente cercado por “objetos de exposição” que não foram especificados.

De acordo com o jornal escocês The Scotsman, os objetos satânicos foram encontrados em Whinny Hill, no Parque Holyrood, conhecido como The Queen’s Park, que faz parte do Palácio Holyrood, residência oficial da rainha escocesa.

Os objetos foram achados pela equipe da Historic Environment Scotland, que administra o parque em nome da rainha.

“Em 2018, os nossos guardas florestais descobriram que um terreno no Parque Holyrood foi obstruído por um pentagrama de metal embutido na terra. Posteriormente, o item foi removido do local […] É uma ofensa criminal realizar obras não autorizadas”, afirmou um porta-voz da Historic Environment Scotland.

O pentagrama está há muito associado ao paganismo. No entanto, é usado por diversos grupos, incluindo vários ramos do paganismo, assim como pelo Satanismo de LaVeyan, sendo difícil determinar quem pode ter sido o responsável pelos objetos.

“Estas pessoas ou não sabiam o que estavam fazendo, ou estavam apenas brincando”, disse o porta-voz.

Conexão Política é um jornal digital inteiramente compromissado com a cobertura e análise das principais pautas sobre política nacional e internacional | [email protected]

alan correa criação de sites