Redes Sociais

Brasil

Mourão sobre condenações de Lula: “Os crimes não são anulados. Estão aí”

Ele lamentou a decisão do Supremo.

Raul Holderf Nascimento

Publicado

em

Marcelo Camargo | Agência Brasil

O vice-presidente Hamilton Mourão comentou sobre a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que confirmou a anulação de todos as condenações de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na Operação Lava Jato de Curitiba.

Segundo ele, apesar da decisão da Suprema Corte, os crimes estão evidentes e não foram apagados.

General da reserva, Mourão fez questão de frisar que Lula foi condenado em várias instâncias do Judiciário.

“Os crimes não são anulados. Os crimes estão aí, está anulado o processo. Esses crimes foram julgados em três instâncias, as três instâncias condenaram”, declarou, nesta sexta-feira, 16, na chegada ao Palácio do Planalto.

“O que estou dizendo, [é que] eles foram cometidos. Você não está passando uma borracha nos atos que aconteceram, está passando uma borracha no processo”, reiterou.

Ao falar sobre o cenário presidencial, ele disse que ainda é cedo para antecipar qualquer opinião sobre a disputa eleitoral de 2022.

“Está muito cedo, temos uma pandemia para enfrentar, temos problema de orçamento, temos que avançar com algumas reformas ainda. Acho que é muito cedo para isso”, completou.

Jornalista, professor e comentarista político. Cobre os bastidores de Brasília no Conexão Política.