Redes Sociais

Últimas

Juan Guaidó: ser permissivo com Maduro é uma ameaça à democracia na América

Redação

Publicado

em

Imagem: Reprodução

Reconhecido por cerca de cinquenta países como presidente interino da Venezuela, Juan Gaidó pediu ao Grupo Lima e aos Estados Unidos para serem firmes em relação a Nicolas Maduro, do contrário a Venezuela estará numa situação de risco.

“Ser permissivo com a usurpação do poder levada adiante por este grupo [referindo-se a Maduro] seria uma ameaça para a democracia de toda a América”, disse Guaidó durante reunião do Grupo de Lima em Bogotá, na presença do vice-presidente dos EUA, Mike Pence.

Na fronteira da Venezuela com a Colômbia e com o Brasil, no fim de semana, pelo menos quatro pessoas foram mortas e cerca de 300 ficaram feridas. Mais 120 membros das Forças Armadas da Venezuela desertaram na Colômbia.

Conexão Política é um jornal digital inteiramente compromissado com a cobertura e análise das principais pautas sobre política nacional e internacional | [email protected]