Jair Bolsonaro publica currículo para mostrar que indicação de Carlos Victor é técnica

Autor: 3 Comentários Compartilhar:
Imagem: Dida Sampaio | Estadão

O presidente Jair Bolsonaro utilizou as redes sociais para rebater acusações feitas pela imprensa em relação a indicação do capitão da reserva Carlos Victor Guerra Nagem.

Indicado para gerência de Inteligência e Segurança Corporativa da estatal, a crítica surgiu devido a amizade entre ambos.

Em reposta, Bolsonaro apresentou o caráter técnico da indicação.

Carlos Victor Guerra Nagem será submetido aos procedimentos internos de governança corporativa da Petrobras. Graduado em administração pela Escola Naval, Carlos é Victor é funcionário da Petrobras há onze anos, dos quais seis lotado na área da Segurança Corporativa. Possui mestrado também em administração, pela Coppead/UFRJ, tem dez anos de docência no Ensino Superior e é capitão-tenente da reserva da Marinha”, escreveu.

Post anterior

Hospital Albert Einstein vai processar ator José de Abreu

Próximo post

Cúpula do MBL se reúne para alinhar ações contra Renan Calheiros

Você pode gostar também:

3 Comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.