Redes Sociais

Coronavírus

Itália começa reabertura parcial do comércio

Estrangeiros a trabalho também poderão ingressar no país

Tiago Netto

Publicado

em

Imagem: Reprodução

A Itália iniciou nesta terça (14), um processo de reabertura parcial do comércio em algumas regiões do país, após fechamento por causa da pandemia do covid-19.

Lojas como livrarias, papelarias e lojas de roupas para bebês e crianças poderão reabrir, exceto em Emilia-Romagna e nas províncias de Piacenza e Rimini. Já nas regiões de Lombardia e Piemonte, apenas as lojas de roupas infantis poderão funcionar.

Estrangeiros poderão ingressar no país apenas para trabalho, e por um tempo limite de três dias de permanência, renováveis por mais dois dias. Caso o estrangeiro não consiga retornar ao seu local de origem após cinco dias, ele será submetido a quarentena. O viajante deve entregar um certificado ao entrar no país.

As atividades relacionadas à produção industrial, que incluem fabricação de computadores, cuidados e manutenção da paisagem, obras hidráulicas e vendas por atacado de papel e papelão, também foram liberadas, mas precisando respeitar rigorosamente as regras de higiene e distanciamento físico.

O número de mortes na Itália está caindo, mas o país ainda é o segundo com mais mortes no mundo, atrás dos Estados Unidos. Na segunda-feira (13), eram 20.465 mortes, e 159.516 casos de Covid-19, segundo a universidade Johns Hopkins.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Colunista do Conexão Política. Brasileiro com muito orgulho e apaixonado por esta nação. Cristão.

alan correa criação de sites