Redes Sociais

Últimas

Hospitais de campanha do governo Wilson Witzel na mira da PF

Raul Holderf Nascimento

Publicado

em

Tomaz Silva | Agência Brasil

Conforme registrou o Conexão Política no início da manhã de hoje, a Operação Placebo, que cumpre mandados em Rio de Janeiro e São Paulo, apura indícios de desvios de recursos públicos destinados aos hospitais de campanha de Wilson Witzel.

A operação deflagrada tem por finalidade a apuração dos indícios de desvios de recursos públicos destinados ao atendimento do estado de emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus (COVID-19), no Estado do Rio de Janeiro.

Segundo a comunicação da PF, elementos de prova, obtidos durante investigações iniciadas no Rio de Janeiro pela Polícia Civil, pelo Ministério Público Estadual e pelo Ministério Público Federal naquele estado  foram compartilhados com a Procuradoria Geral da República no bojo de investigação em curso no Superior Tribunal de Justiça e apontam para a existência de um esquema de corrupção envolvendo uma organização social contratada para a instalação de hospitais de campanha e servidores da cúpula da gestão do sistema de saúde do Estado do Rio de Janeiro.

Estão sendo cumpridos 12 Mandados de Busca e Apreensão nos estados de São Paulo/SP e Rio de Janeiro/RJ.

Os mandados foram expedidos pelo Superior Tribunal de Justiça – STJ.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Professor, cristão, colunista, e redator. Amo ciências políticas, sou conservador e nordestino com orgulho.

alan correa criação de sites