Redes Sociais

Últimas

Haddad mente e diz que vice de Bolsonaro era “um dos torturadores da ditadura”

Raul Holderf Nascimento

Publicado

em

Imagem: AFP

Nesta terça-feira (23), Fernando Haddad, candidato do PT à Presidência da República, acusou general Hamilton Mourão, vice de Jair Bolsonaro (PSL), de ter cometido torturas durante a ditadura militar.

Bolsonaro nunca teve nenhuma importância no Exército. Mas o Mourão foi, ele próprio, torturador. O Geraldo Azevedo falou isso. Ver um ditador como eminência parda de uma figura como Bolsonaro deveria causar temor em todos os brasileiros minimamente comprometido com Estado Democrático de Direito”, disse Haddad em sabatina ao Globo.

No entanto, Hamilton Mourão tinha apenas 16 anos em 1969, e ingressou no Exército em fevereiro de 1972, na Academia Militar das Agulhas Negras.

Além da imprensa tradiconal, os maiores fabricantes de fake news é o PT e Haddad.

Fernando Haddad é uma ameaça à democracia, ao país e aos direitos do povo brasileiro.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Professor, cristão, colunista, e redator. Amo ciências políticas, sou conservador e nordestino com orgulho.

alan correa criação de sites