Redes Sociais

Brasil

“Foi um divórcio consensual”, diz Bolsonaro sobre demissão de Mandetta

Tiago Netto

Publicado

em

Transmissão TV Brasil

Em coletiva no Palácio do Planalto para anunciar a demissão de Mandetta e anunciar novo ministro da Saúde, nesta quinta-feira (16), o presidente Jair Bolsonaro informou que a saída do ex-ministro foi um “divórcio consensual”.

O presidente também afirmou que a forma que o ex-ministro tratou a pandemia de coronavírus não era a mesma que ele achava correta, mas que não condena e nem critica Mandetta por causa disso.

“A questão do emprego não foi da forma que eu achava, enquanto chefe do Executivo, que deveria ser tratado. Não condeno, não recrimino e nem critico o ministro Mandetta. Ele fez aquilo que deveria fazer como médico. Ao longo desse tempo, a nossa separação cada vez mais se tornava uma realidade”, declarou.

ASSISTA

Colunista do Conexão Política. Brasileiro com muito orgulho e apaixonado por esta nação. Cristão.

alan correa criação de sites