Redes Sociais

EUA

FBI: Hackers chineses estão tentando roubar pesquisas americanas de vacinas contra coronavírus

Guilherme L. Campos

Publicado

em

Reprodução

Organizações que conduzem pesquisas sobre a COVID-19 podem ser alvo de hackers vinculados ao governo chinês, de acordo com o FBI e o Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos.

As duas agências alertaram que instituições e empresas envolvidas no trabalho de vacinas, tratamentos e testes para coronavírus devem tomar medidas de segurança adicionais para proteger seus dados.

“Os esforços da China para atingir esses setores representam uma ameaça significativa à resposta de nosso país à COVID-19”, disse um comunicado da Agência de Segurança Cibernética e Infraestrutura dos EUA. “Este anúncio visa conscientizar as instituições de pesquisa e o público americano e fornecer recursos e orientações para aqueles que podem ser alvos”.

As instituições que receberam a atenção da mídia por seus esforços relacionados à COVID-19, doença causada pelo novo coronavírus, devem assumir que seriam alvo, devendo portanto tomar precauções, disse o Departamento de Justiça.

“O possível roubo dessas informações compromete a entrega de opções de tratamento seguras, eficazes e eficientes”, afirmou o órgão.

O FBI e a agência de segurança cibernética disseram que estavam emitindo o alerta para conscientizar o público sobre a ameaça em potencial e disseram que detalhes técnicos adicionais serão divulgados nos próximos dias.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Católico, Conservador, Correspondente Internacional, Observador Político e criador do 'The Right Talking'. Atualmente vive no estado da Pensilvânia, Estados Unidos.

alan correa criação de sites