Redes Sociais

Últimas

Fachin manda arquivar mais um inquérito contra Renan Calheiros no STF

O inquérito arquivado pelo ministro tem relação com investigações da Operação Lava Jato e tratava de suposta distribuição de US$ 300 mil em propina a agentes do MDB

Marcos Rocha

Publicado

em

Dida Sampaio | Estadão Conteúdo

Nesta quinta-feira (25), o ministro Edson Fachin, do STF (Supremo Tribunal Federal), decidiu arquivar mais um inquérito contra o senador Renan Calheiros (MDB-AL).

Ele ainda é alvo de outras 13 investigações no Supremo.

O inquérito arquivado por Fachin tem relação com investigações da Operação Lava Jato e tratava de suposta distribuição de US$ 300 mil em propina a agentes do MDB a partir de contrato da Petrobras na Argentina.

Além de ter Renan Calheiros como alvo, o inquérito mirava também suspeitas contra o senador Jader Barbalho (MDB-PA) e o ex-deputado Aníbal Gomes (MDB-CE).


O Conexão Política é um portal de notícias independente. Ajude-nos a continuarmos com um jornalismo livre, sem amarras e sem dinheiro público » APOIAR

CONTATO: [email protected] | Editor-chefe do Conexão Política, residente e natural de Campo Grande/MS, assistente de gabinete junto ao Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJ/MS) e estudante de Ciências Jurídicas.

Publicidade
1 Comentário

1 Comentário

  1. Avatar

    César Augusto

    26.04.2019 at 21:33

    Esse é o STF: Bandidos roubam zilhões de dinheiro público e ficam livres. Povo fazem algumas críticas e são perseguidos e censurados!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Apoiar

Parceiros

Publicidade

alan correa criação de sites