Redes Sociais

Estados Unidos

EUA impõem restrições em exportações para China

Guilherme L. Campos

Publicado

em

Reprodução

Os Estados Unidos disseram na última segunda-feira (27) que vão impor novas restrições às exportações para a China para manter os equipamentos de produção de semicondutores e outras tecnologias longe do Partido Comunista Chinês.

As novas regras exigirão licenças para as empresas dos EUA venderem determinados itens para empresas na China que apóiam as forças militares chinesas, mesmo que os produtos sejam para uso civil.

Eles também eliminam uma exceção civil que permitia que determinadas tecnologias dos EUA sejam exportadas sem uma licença específica.

“É importante considerar as ramificações de fazer negócios com países que têm histórico de desvio de mercadorias compradas de empresas americanas para fins militares”, disse o secretário de Comércio dos EUA, Wilbur Ross, em comunicado.

As mudanças, que também expandem o universo de itens que exigem licenças, também afetam a Rússia e a Venezuela, mas o maior impacto será sobre a China.

Católico, Conservador, Correspondente Internacional, Observador Político e criador do 'Direto da América'. Atualmente vive no estado da Pensilvânia, Estados Unidos.