Redes Sociais

Últimas

Ciro defende Bolsonaro e diz que Moro deveria ter sido leal ao presidente

Marcos Rocha

Publicado

em

Kleyton Amorim | UOL

Em entrevista ao canal MyNews, no Youtube, o ex-governador do Ceará, Ciro Gomes (PDT), atacou o ex-ministro da Justiça, Sergio Moro, ao comentar as recentes declarações sobre conversas particulares com o presidente Jair Bolsonaro em supostas indicações de cargos de chefia na Polícia Federal.

Ciro passou quase toda a entrevista ao canal atacando o chefe do Executivo, mas disse não ter visto algo que não fosse razoável nos relatos da conversa com o presidente durante a reunião ministerial.

Ciro, que foi ministro da Integração Nacional no governo Lula (PT), também condenou a exposição dos conteúdo por Moro.

“Eu não acho que francamente o Bolsonaro tenha dito ao Moro mais do que é razoável, um presidente dizer ‘olha eu estou incomodado, esse negócio desse cara da Polícia Federal não está examinando isso, não tá examinando aquilo’. Isso dai, na minha opinião, depõe contra o Moro, porque o cara ser ministro de um presidente da República e devassar conversas que o presidente teve em uma relação de confiança com ele não é demonstração de caráter. Ele disse que há lealdades maiores e quem julga essas lealdades? Isso é antigo, isso é funcional. Qualquer país do mundo que valorize decência, ética… veja, as coisas que eu sei do Lula em confiança vão morrer comigo”, disse Ciro.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

FALE COMIGO: [email protected] | Editor-chefe do Conexão Política | Residente e natural de Campo Grande/MS

alan correa criação de sites