Redes Sociais

Últimas

Caminhoneiros bloqueiam Marginal Tietê após Doria anunciar novas restrições em São Paulo

Raul Holderf Nascimento

Publicado

em

Divulgação | Governo do Estado de São Paulo

O estado de São Paulo amanheceu com uma movimentação além do normal nesta sexta-feira (5).

Caminhoneiros iniciaram um protesto contra as novas medidas restritivas adotadas pelo governado estadual, que passam a valer a partir deste sábado (6).

Diversos veículos realizam uma espécie de carreata na Marginal Tietê, bloqueando uma das principais vias de tráfego da capital paulista.

A manifestação já dificulta o fluxo de motoristas desde as 7h de hoje, horário que costuma ser um dos mais movimentados na cidade.

Os caminhoneiros protestam contra o ICMS nos combustíveis, alegando que o aumento do preço do diesel irá afetar diretamente nas bombas. Eles também não aceitam as contenções que serão aplicadas pelo governo tucano.

Conforme registrou o Conexão Política nesta quinta-feira (4), confirmando uma informação em primeira mão da nossa equipe, o governador João Doria (PSDB) anunciou que o estado de São Paulo vai entrar em um novo toque de restrição de circulação, que passa a valer a partir deste sábado, das 20h às 5h.

Com as novas medidas da fase vermelha, shopping center, centros comerciais comércios em geral estão providos de funcionarem, pois estão classificados como de serviços não essenciais.

O governo estadual proibiu também o funcionamento de salões de beleza e academias. Bares e restaurantes, da mesma forma. Esses estabelecimentos também entraram na mira das retenções, que proíbem atendimento para consumo local.

A fase vermelha, que é a mais rígida das ações para combater a Covid-19, vai durar até o dia 19 de março.

Ainda conforme apurou a reportagem do Conexão Política, a medida pode ser estendida, se não atingir o objetivo proposto pela área da Saúde do governo de São Paulo.

Jornalista, professor e comentarista político. Cobre os bastidores de Brasília no Conexão Política.