Redes Sociais

Últimas

Brasil apoia proposta de aliança digital global dos EUA no ramo 5G

Raul Holderf Nascimento

Publicado

em

O governo brasileiro apoiou na terça-feira (10) a proposta US Clean Network (Rede Limpa dos Estados Unidos) para estabelecer uma aliança digital global que exclua a tecnologia 5G da gigante chinesa Huawei.

A informação é da agência Reuters. Segundo a matéria, Keith Krach, subsecretário de Estado dos EUA para o Crescimento Econômico, Energia e Meio Ambiente, apontou um direcionamento para o Brasil não comprar equipamentos de rede de telecomunicações de quinta geração (5G) da chinesa Huawei Technologies Co Ltd [HWT.UL].

Para Krach, o serviço da empresa asiática é “a espinha dorsal da vigilância global da China”.

A Huawei, por sua vez, tem negado repetidamente ser um risco de segurança.

“O Brasil apoia os princípios contidos na proposta da Rede Limpa feita pelos Estados Unidos”, disse uma nota oficial conjunta Brasil-EUA, divulgado após Krach se reunir com autoridades do Ministério das Relações Exteriores do Brasil.

A iniciativa visa “promover, no âmbito do 5G e de outras novas tecnologias, um ambiente seguro e transparente, compatível com os valores democráticos e as liberdades fundamentais”.

Apesar disso, o veto à Huawei no 5G ainda depende de decreto presidencial.

Jornalista, professor e comentarista político. Cobre os bastidores de Brasília no Conexão Política.