Redes Sociais

Política

Bolsonaro volta a defender voto impresso: “Vamos mergulhar na Câmara e Senado”

Raul Holderf Nascimento

Publicado

em

Marcos Corrêa | PR

Hoje (5), na tradicional live de quinta-feira, Jair Bolsonaro disse há pouco que vai “mergulhar” na Câmara e no Senado em busca do voto impresso.

O objetivo é fazer a medida valer já nas próximas eleições de 2022.

Segundo Bolsonaro, ele utilizará a PEC de Bia Kicis como ponte.

A proposta estabelece a impressão de cédulas para tornar o sistema eleitoral confiável.

O eleitor, contudo, não chega a ter contato com o papel impresso.

“Vamos mergulhar na Câmara e Senado para que a gente possa realmente ter um sistema eleitoral confiável em 2022. Tem uma PEC da Bia Kicis que pode ser aproveitada para voltar o voto impresso. É a maneira como você tem para auditar, contar os votos de verdade.”

E acrescentou:

“Devemos sim ver o que acontece em outros países e buscar um sistema que seja confiável por ocasião das eleições”.

Jornalista, professor e comentarista político. Cobre os bastidores de Brasília no Conexão Política.