Redes Sociais

Últimas

Bolsonaro: “A palavra ‘golpe’ é usada quando a esquerda perde”

Marcos Rocha

Publicado

em

Bolsonaro: "A palavra 'golpe' é usada quando a esquerda perde" 20
Fabio Rodrigues Pozzebom - Agência Brasil | Pedro Ugarte - AFP

Nesta segunda-feira (11), o presidente Jair Bolsonaro disse não considerar como golpe a renúncia de Evo Morales na Bolívia.

O chefe do Executivo concedeu entrevista ao O Globo e voltou a defender o voto impresso no Brasil.

“A palavra golpe é usada muito quando a esquerda perde, né? Quando eles ganham, é legítimo. Quando eles perdem, é golpe. Eu não vou entrar nessa narrativa deles aí. A esquerda vai falar que houve golpe agora”, afirmou o presidente da República.

Bolsonaro assegura que o sistema de votação atual “não serve”. Ele também disse que a situação na Bolívia é um sinal para o Brasil.

“Só vou dar uma observação sobre o que levou à renúncia do Evo Morales: um sinal que nós aqui no Brasil precisamos de um sistema de votação seguro. Esse que está aí não serve. Esse que está aí leva a esse tipo de problema” afirmou Bolsonaro, defensor do voto impresso, o que foi considerado inconstitucional pelo Supremo Tribunal Federal (STF), no ano passado.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

CONTATO: [email protected] | Editor-chefe do Conexão Política e estudante de Ciências Jurídicas.

Parceiros

Publicidade

alan correa criação de sites