Redes Sociais

China

Ataque na China: 39 crianças e funcionários são esfaqueados em escola primária

Muitas das crianças feridas eram de uma turma pré-escolar e tinham cerca de 6 anos de idade.

Thaís Garcia

Publicado

em

Reprodução

Professores e alunos da Escola Primária Central da Cidade Wangfu, na província de Guangxi, na China, estão entre os feridos em um ataque com faca. Segundo relatos, um segurança teria sido detido no local.

Segundo relatos, pelo menos 39 alunos e dois funcionários da escola de Wuzhou, na região autônoma de Guangxi Zhuang, incluindo o diretor da escola, ficaram feridos na manhã desta quinta-feira (4).

As vítimas foram levadas para o hospital e um guarda de segurança, de 50 anos de idade, é suspeito de realizar o ataque, e foi detido no local.

O incidente ocorreu por volta das 8h30, horário local, na Escola Primária Central da Cidade Wangfu e muitas das crianças eram pré-escolares, informou o South China Morning Post.

O site de notícias diz que as autoridades da cidade disseram que cerca de 40 pessoas ficaram feridas no incidente, mas nenhuma estava em condições críticas. E uma emissora estatal, a CCTV, informou que três pessoas ficaram gravemente feridas no ataque – o diretor, outro segurança e um aluno.

As pessoas podiam ser vistas angustiadas e ensanguentadas quando saíam da escola.

Um vídeo mostra um homem sendo levado algemado por policiais. Outro mostra policiais na entrada da escola. Imagens da mídia chinesa mostram médicos cuidando de crianças usando bandagens na cabeça e no corpo após o ataque.

Um dos pais, que aguardava ansiosamente nos portões por seus filhos, disse ao site de notícias que muitas das crianças feridas eram de uma turma pré-escolar e tinham cerca de seis anos de idade.

O motivo do ataque ainda é desconhecido.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Cristã e Correspondente Internacional na Europa.

alan correa criação de sites