Redes Sociais

Brasil

Após um ano, PF ainda não concluiu inquérito sobre acidente aéreo que matou cantor Gabriel Diniz

Tiago Netto

Publicado

em

Reprodução

Nesta quinta, dia 27, completa 1 ano do acidente aéreo que matou o cantor Gabriel Diniz e os pilotos Abraão Farias e Linaldo Xavier. Mesmo 365 dias após o ocorrido a Polícia Federal em Sergipe ainda não conseguiu concluir a apuração sobre o acidente. A queda do avião aconteceu no Povoado Porto do Mato, em Estância, município do sul de Sergipe.

De acordo com a Polícia Federal, o prazo para finalização da investigação está suspenso pela Justiça. O primeiro prazo para a entrega dos laudos era de 30 dias após o acidente, tendo sido prorrogado para fevereiro deste ano e depois estendido por mais 60 dias.

Em razão da pandemia pelo novo coronavírus, não há uma nova data para a entrega dos laudos devido a suspensão dos prazos pela Justiça. Com isso, a conclusão do inquérito foi adiada. Também por meio da assessoria, a PF em Sergipe informou ter o maior interesse em concluir o caso com a maior brevidade possível.

Gabriel Diniz ficou conhecido por interpretar a música ‘Jenifer’, grande hit do verão em 2019.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Colunista do Conexão Política. Brasileiro com muito orgulho e apaixonado por esta nação. Cristão.

alan correa criação de sites