Redes Sociais

Colunistas

Além de alvos no Oriente Médio, Europa é a região mais vulnerável ao Irã; entenda

O terrorismo ameaça a segurança, os valores das sociedades democráticas e os direitos e liberdades dos cidadãos europeus.

Guilherme L. Campos

Publicado

em

Além de alvos no Oriente Médio, Europa é a região mais vulnerável ao Irã; entenda 15
AFP

As chances de neste momento uma retaliação iraniana afetar alguém em solo americano são maiores em âmbito virtual, por meio de cyberataques.

Este é, inclusive, o alerta do departamento de Segurança Nacional emitido sábado para todos os residentes nos EUA.

Ainda assim, o DHS (Department of Homeland Security) alerta que o Hezbollah já demonstrou intenção e capacidade de conduzir operações nos EUA.

Por ora, porém, o departamento não faz nenhuma recomendação extra, apenas que todos americanos estejam atentos.

Não há nenhuma ameaça crível para o território americano neste momento, informa o DHS.

A verdade é que o maior risco hoje está para os americanos no Oriente Médio e na Europa.

Na Europa, aliás, a ameaça é para todos, uma vez que o continente está tomado por muçulmanos, muitos deles membros de organizações terroristas.

Sem dúvida, depois do Oriente Médio, o lugar mais perigoso e vulnerável do mundo hoje é a Europa.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Católico, Conservador, Correspondente Internacional, Observador Político e criador do 'The Right Talking'. Atualmente vive no estado da Pensilvânia, Estados Unidos.

Parceiros

alan correa criação de sites