Redes Sociais

Últimas

Rebeliões e fugas em vários presídios de SP

Marcos Rocha

Publicado

em

Imagem ilustrativa | 2017

Presos de ao menos cinco penitenciárias paulistas se rebelaram na tarde desta segunda-feira (16). De acordo com o Sindicato dos Agentes Penitenciários, foram registrados situações em Mongaguá (Baixada Santista), Taubaté (Vale do Paraíba), Tremembé, Porto Feliz e Mirandópolis (interior de São Paulo).

As rebeliões teriam começado após o governo de SP vetar a saída dos presos do semiaberto no início do dia. Tal medida havia sido tomada para evitar o avanço do coronavírus.

A Secretaria de Administração Penitenciária confirmou que houve rebeliões no estado, mas não especificou em quais presídios.

“Informamos que as unidades de regime semiaberto, por determinação da legislação brasileira, não possuem vigilância armada. A pasta está tomando as devidas providências para sanar o problema”, disse a Secretaria, em nota.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Editor-chefe do Conexão Política; residente e natural de Campo Grande/MS | FALE COMIGO: [email protected]

alan correa criação de sites