Redes Sociais

Política

“Se cuspir em mim, vai levar chute nas costelas”, diz Sargento Fahur sobre convivência na Câmara

“A partir do momento que essas pessoas interromperem a minha fala com ofensas, elas vão receber o troco à altura”, declarou.

Raul Holderf Nascimento

Publicado

em

Divulgação

Sargento Fahur, deputado federal eleito pelo PSD, concedeu uma entrevista a uma TV local do estado do Paraná.

O militar foi questionado sobre diversas pautas.

Em determinado momento da entrevista — a repórter pergunta como será o futuro convívio do Fahur com os parlamentares eleitos.

Ela fez menção a alguns nomes polêmicos como Maria do Rosário e Gleisi Hoffmann

Fahur afirmou que independente das posições partidárias, respeitará todos os parlamentares — pois, segundo ele, foram eleitos para representar a população.

Contudo, o militar assegurou que, em situações de desequilíbrios como o caso do deputado Jean Wyllys, que cuspiu em direção a Jair Bolsonaro, ele irá revidar à altura.

Eu vou respeitá-los como pessoas, como deputados eleitos, pois se estão lá é porque tiveram votos. Mas vou querer que me respeitem. Serei bem incisivo contra bandidos – e a partir do momento que essas pessoas interromperem a minha fala com ofensas, elas vão receber o troco à altura. E se cuspirem em mim, vai levar um chute no meio das costelas. Não tenha dúvida nenhuma“, declarou.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Professor, cristão, colunista, e redator. Amo ciências políticas, sou conservador e nordestino com orgulho.

alan correa criação de sites