Redes Sociais

Política

Palocci relata que bancos doaram R$ 50 milhões ao PT em troca de favores

Segundo o jornal O Globo, delação do ex-ministro aponta que instituições tinham interesse em informações privilegiadas de mudanças na taxa básica de juros.

Redação

Publicado

em

Palocci relata que bancos doaram R$ 50 milhões ao PT em troca de favores 21
Roberto Castro | AE

Em acordo de delação premiada, o ex-ministro Antonio Palocci mencionou doações que somam 50 milhões de reais, feitas por alguns dos maiores bancos país, a campanhas do PT em troca de benefícios nos governos de Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff.

Segundo a reportagem do jornal O Globo, que teve acesso à delação homologada pela Justiça, o ex-ministro citou casos envolvendo Bradesco, Safra, BTG Pactual, Itaú Unibanco e Banco do Brasil.

Conforme registrou o jornal, Palocci relatou que o interesse ia de informações privilegiadas sobre mudanças na taxa básica de juros a apoio do governo aos interesses das instituições.

Procurados por O Globo, os citados negam irregularidades e classificam a delação de Palocci de “mentirosa” e “inverossímil”.


O Conexão Política é um portal de notícias independente. Ajude-nos a continuarmos com um jornalismo livre, sem amarras e sem dinheiro público » APOIAR

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

O Conexão Política é um portal de notícias independente — compromissado em transmitir os fatos. Analisamos e cobrimos os principais assuntos da política. Contribua: apoia.se/conexaopolitica

1 Comentário

Parceiros

Publicidade

alan correa criação de sites