Redes Sociais

Política

Mourão: “General Geisel não foi eleito, eu fui”

A declaração foi feita em Harvard.

Einsteinberg Monção

Publicado

em

Sérgio Lima | Poder360

Durante uma palestra nos EUA, o vice-presidente Hamilton Mourão foi questionado sobre o papel das forças armadas no governo.

Ao fazer um paralelo entre o Regime Militar e o Governo Bolsonaro, um presente questionou Mourão se a imagem das forças armadas não poderia ser manchada por se associar a um governo que é passageiro.

Ao lembrar que o General Geisel foi quem promoveu a redemocratização política e  entregou o governo aos civis, o presente questionou:

Por que a lição que o General Geisel aprendeu não se aplica ao senhor?

Mourão prontamente respondeu:

General Geisel não foi eleito, eu fui“.

A plateia aplaudiu a resposta do general da reserva.

Logo após, Mourão destacou que as forças armadas não fazem parte do governo. Pois, tanto ele quanto o presidente e os ministros que compõe o governo são da reserva.

E finalizou dizendo que, se o governo falhar, a instituição ficará manchada.

“Nós não podemos errar”, disse. 

Estudante, Cristão, apreciador da liberdade.

Publicidade
8 Comentários

8 Comments

  1. Pedro Rocha

    08.04.2019 at 22:57

    A resposta foi humilhante para o “PHD em Harvard”, mas reiterou que o General Mourão não é direitista.

    Ao desmerecer o sistema de eleições indiretas vigente à época de Geisel, Mourão acabou por se aliar à esquerda e neocons contra o período dos Governos militares. Por tudo que só agora depois das eleições Mourão tem dito, ele demonstra cada vez mais proximidade ideológica com a Terceira Via, a versão 2.0 do socialismo Fabiano em voga na Europa.

    Ou seja: um “melancia” – verde por fora, vermelho por dentro.

  2. Marco

    08.04.2019 at 22:40

    Haha o ptralha de “Harvard” do alto do seu “Lattes”, não esperava,depois da sua pergunta simplória querendo comparar os generais de antes com o Mourão, tomou uma invertida igualzinha como tomou tantas vezes os petralhas QI zero em tantas entrevistas frente Bolsonaro kkkkkkkklk

  3. Jorge

    08.04.2019 at 22:01

    A esquerdalhada aplaudiu Mourão de pé.

  4. Dante Moreira

    08.04.2019 at 21:05

    Só mesmo o Mourão e imbecis sentem prazer em ser aplaudidos pelos comunistas de Harvard. O desgraçado além de denegrir a eleição do Geisel pelo Congresso, desmoralizou Bolsonaro, Brasil Paralelo e os próprios princípios, afirmando que o Governo Militar foi uma reles ditadura!

    • Arlene Maria

      09.04.2019 at 01:02

      “A eleição do Geisel pelo congresso”. ?????

    • Pedro Rocha

      09.04.2019 at 09:36

      Achei que eu tivesse sido o único a ter percebido isso: Mourão cuspiu nos Governos Militares ao considerar Geisel um ditador.

      Por tudo que tenho visto, já percebi que desde o dia que ele se mostrou abortista que Mourão é um “melancia”: verde por fora, vermelho por dentro. Suas ideias se assemelham à Terceira Via muito em voga na Europa, onde defende liberdade econômica (com ressalvas, como já se mostrou contra algumas privatizações) e pautas esquerdistas (aborto, ataques aos Governos Militares e críticas ao direito de defesa), fazendo questão de se mostrar liberal para a mídia.

      Ele já “morreu” para mim no dia que se mostrou abortista e, pelo visto, ainda vai nos surpreender negativamente ainda mais.

  5. neuzi Ferreira Nunes

    08.04.2019 at 21:01

    Muito bem! Resposta bem dada. É exatamente o governo que queremos,parabéns siga
    em frente.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Apoiar

Parceiros

Publicidade

alan correa criação de sites