Redes Sociais

Política

Internautas fazem campanha para Alexandre Garcia chefiar a Secom

Jornalista estaria sendo cotado para substituir Fabio Wajngarten..

Redação

Publicado

em

Divulgação | Presidência da República

Internautas estão realizando uma campanha nas rede sociais para o jornalista Alexandre Garcia chefiar a Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (Secom).

Fábio Wajngarten, que atualmente é responsável pela pasta, é alvo de uma investigação da Polícia Federal por supostos casos de corrupção, peculato e advocacia administrativa.

No final do mês passado, o Ministério Público Federal (MPF) solicitou a investigação de Fábio Wajngarten para apurar se a empresa FW Comunicação, da qual é sócio, recebeu dinheiro de emissoras de TV, e também de agências contratadas pelo governo.

Apoio a Alexandre

No Twitter, centenas de usuários estão marcando o perfil da SECOM nos últimos dias, marcando o @ do jornalista e pedindo para o presidente Jair Bolsonaro dar uma atenção especial em caso de troca na pasta.

Para o usuário José Salviatto, “enquanto Alexandre Garcia não assumir a Secom,[a pasta] vai patinar e esparramar besteira para todo lado”.

Já o internauta José Manuel, “Alexandre Garcia como diretor da Secom seria mais um gol de placa deste novo governo”.

Reação contrária

Desde janeiro, o deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP) vem criticando o nome do ex-global.Segundo ele, o jornalista ‘está vendido’ para a Secom.

Alexandre Garcia está vendido para a Secom / Bolsonaro. Infelizmente é assim e tudo que fez na carreira brilhante agora se desfaz quando aceita ser divulgador do bolsonarismo”.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

O Conexão Política é um portal de notícias independente — compromissado em transmitir os fatos. Analisamos e cobrimos os principais assuntos da política. Contribua: apoia.se/conexaopolitica

alan correa criação de sites