Redes Sociais

Política

Com nova condenação, Sérgio Cabral já soma 216 anos de prisão

Redação

Publicado

em

Com nova condenação, Sérgio Cabral já soma 216 anos de prisão 20
Reprodução | Internet

O ex-governador Sérgio Cabral (PMDB-RJ) foi condenado a 18 anos de reclusão, em razão de contratos firmados e, possivelmente, fraudados com empresas de fornecimento de alimentação para escolas da rede estadual de educação e de alimentação para os detentos do sistema penitenciário do Rio.

A sentença foi assinada nesta terça-feira (30/7) pelo Marcelo Bretas, da 13ª Vara Federal de Curitiba.

Somadas as penas, Cabral foi condenado a 216 anos e 6 meses de prisão.

Quanto aos motivos que levaram [Cabral] à prática criminosa, se se pensar que a corrupção é crime formal, a obtenção de dinheiro ilícito, em grande escala, pode não ser elementar do crime. De qualquer forma, nada mais repugnante do que a ambição desmedida de um agente público que, tendo a responsabilidade de gerir o atendimento das necessidades básicas de milhões de cidadãos do Estado do Rio, opta por exigir vantagens ilícitas a empresas. As circunstâncias em que se deram as práticas corruptas, além das altas cifras envolvidas, por vezes, são perturbadoras e revelam desprezo pelas instituições públicas”, escreveu Bretas em sua decisão.


O Conexão Política é um portal de notícias independente. Ajude-nos a continuarmos com um jornalismo livre, sem amarras e sem dinheiro público »APOIAR

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

O Conexão Política é um portal de notícias independente — compromissado em transmitir os fatos. Analisamos e cobrimos os principais assuntos da política. Contribua: apoia.se/conexaopolitica

Parceiros

Publicidade

alan correa criação de sites