Redes Sociais

Política

Bebianno não pensou duas vezes

Na noite de sexta-feira, 15, o canal SBT informou que Bebianno será exonerado nesta segunda-feira, 18.

Guilherme L. Campos

Publicado

em

Cristiano Mariz

Ao analisar o contexto político entre Bebianno X Carlos, percebemos que o primeiro não pensou duas vezes ao usar publicamente o nome do presidente da república para auto-defesa. Sentia-se dono de Jair Bolsonaro e não seu ministro.

Sem medir as consequências, expôs o presidente da República quando ainda estava em leito.

Partidos políticos são uma imundície, antro de todo tipo de mutreta e luta por poder.

É óbvio que o PSL não é diferente.

Bebiano deve ser rigorosamente investigado bem como todos os outros envolvidos nessa provável tramóia.

O governo, porém, deve adiantar-se e retirá-lo imediatamente do governo, pois não há mais clima.

O Bebianno precisa resolver sua vida na Justiça e o governo precisa trabalhar em paz.

Uma investigação partidária não pode contaminar a rotina de um governo.

Há muito trabalho pela frente.

Jornalista, conservador, analista político e editor-chefe do 'Portal São Paulo 011'.

Publicidade
10 Comentários

10 Comments

  1. Alessandro

    17.02.2019 at 22:32

    vários políticos do PSL se aproveitaram do nome Bolsonaro para entrar na política e vencer as eleições, fingiram ser algo que não eram, é só ver o montante de reclamações de pessoas contra governadores e deputados do PSL que não estão seguindo a cartilha do conservadorismo que é a marca do Bolsonaro, e entregando cargos para petistas, ou outros esquerdistas de partidos ligados ao PT, por isso o Bolsonaro agiu certo em demitir esse Bebianno, e rever se deve ficar ou não no PSL e talvez quem sabe refundar a UDN

    eu só sei uma coisa, se a família Bolsonaro sair do PSL é o fim desse partido, pois acredito que muitos migrarão para o partido que ele for

  2. Andreia

    17.02.2019 at 17:07

    Quem é mesmo esse tal de Bebbiano?

  3. Fernando Costa da Silva

    17.02.2019 at 13:34

    Perfeito, concordo com tudo, Bebianno é um autoritário.

  4. João

    17.02.2019 at 11:59

    Será este este site poderia dar uma força em ajudar a denúnciar as tramóias do Líder do PSL aqui no Pará. Hugo Rogério presidente do PSL no Pará, filho do Dep. Federal o delegado Eder Mauro que se aproveitou e se fez de apoiador de Bolsonaro. aqui está unido ao Governador atual Helder Barbalho. filho do maior Bandido do Estado, o senador Jader Barbalho. e claro como não podia deixar de ser, lotaram as secretarías de comunistas.

    Ass: João Soares

  5. Google Plano Kalergi

    17.02.2019 at 11:38

    Tem que investigar aquela porca gorda da Joice Maionese também, porque ela foi uma das principais defensoras da manutenção do Bebianno no cargo.

    • Pedro Rocha

      17.02.2019 at 12:03

      Investigar o quê, se já está claro que ela é uma infiltrada de João Dória dentro do PSL?

      Ela usou o nome e o partido de Bolsonaro apenas para se eleger, assim como o deputado delegado Felício Laterça, que tem ligações com o PMDB fluminense.

  6. E S FONSECA NT

    17.02.2019 at 11:17

    Perfeito relato do que esta acontecendo e o que deverá ser feito

  7. Fernando

    17.02.2019 at 09:53

    Muito bem
    Disse tudo

  8. RoCS

    17.02.2019 at 09:50

    Comentário sensacional. Em poucas palavras ‘disse tudo’

  9. Aclecio Barroso

    17.02.2019 at 09:41

    Disse tudo. Eles ainda estão acostumados com a política velha de ser. Ainda estão cegos ou se fazendo diante do que a maioria dos cidadãos de bem e contribuintes exigem…

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Apoiar

Parceiros

Publicidade

alan correa criação de sites