Redes Sociais

Opinião

Reage, Bolsonaro! Vá em rede nacional de Rádio e TV falar a verdade!

A oposição, com apoio da imprensa brasileira está colocando o terror sobre os trabalhadores, principalmente os mais pobres que não tem acesso à informação.

Raul Holderf Nascimento

Publicado

em

Carolina Antunes | PR

O presidente Jair Bolsonaro precisa ir em rede nacional de rádio e TV divulgar a verdade sobre uma Medida Provisória publicada na noite deste domingo (22).

A população precisa saber que a MP garante a manutenção de empregos e evita a demissão em massa em meio à pandemia do surto do novo coronavírus.

É preciso mostrar a verdade, visto que a imprensa brasileira está completamente aparelhada por aqueles que ao longo das últimas décadas foram cúmplices de governos que saquearam o país.

A oposição, com apoio da imprensa brasileira está colocando o terror sobre os trabalhadores, principalmente os mais pobres que não tem acesso à informação.

Quem diz que a medida é injusta está sendo desonesto. O trabalhador ficará em casa, a produção da indústria e os serviços da empresa parados.

Como não é justo? Claro que é justo!

A MP garante, sim, o salário dos trabalhadores, sobre o nome de “compensação mensal” e garante a certeza da readmissão após a quarentena.

Os trabalhadores terão a garantia do emprego no fim disso tudo. Injusto é o desemprego!

A situação caótica toma conta do mundo inteiro, inclusive do Brasil, mas se não tem empresário, não tem emprego.

É a classe empresarial que movimenta a economia, que gera emprego, não são os programas sociais. Não adianta!

Por isso, presidente Jair Bolsonaro, o senhor precisa fazer um pronunciamento em Rede Nacional com o ministro Paulo Guedes.

É preciso detalhar item por item.

A desinformação só fortalece aqueles que querem o caos instaurado.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Professor, cristão, colunista, e redator. Amo ciências políticas, sou conservador e nordestino com orgulho.

alan correa criação de sites