Redes Sociais

Mundo

Quase 40% dos eleitores americanos acreditam que a campanha de Trump foi espionada

De acordo pesquisa, 38% dos participantes disseram acreditar que Trump foi espionado a mando de Obama.

Redação

Publicado

em

Donald Trump e William Barr. Imagem: Reprodução

Há muito tempo Trump acusou funcionários da administração Obama de espionarem sua campanha eleitoral de 2016. Na época, autoridades envolvidas negavam o caso.

Em uma recente pesquisa descobriu-se que quase 4 em cada 10 eleitores americanos acreditam que a campanha do presidente Donald Trump foi espionada durante a eleição presidencial de 2016.

De acordo a Pesquisa Nacional de Acompanhamento do Morning Consult, 38% dos participantes da pesquisa disseram acreditar que Trump foi espionado, enquanto 28% disseram que não. 35% dos participantes disseram não saber ou não ter opinião.

1998 eleitores participaram da pesquisa entre 12 e 14 de abril. Destaca-se que as respostas sobre espionagem também foram divididas por linhas partidárias, com 57% dos republicanos dizendo que a espionagem ocorreu, e 24% dos democratas de acordo.

Alegações de que a espionagem havia ocorrido ressurgiram na semana passada, quando o procurador-geral William Barr declarou ao Congresso que ele acredita que a espionagem ocorreu e que ele era obrigado a garantir que a vigilância do governo de Obama fosse legalmente justificada.

Barr disse numa audiência em 10 de abril do Comitê de Apropriações do Senado que ele pretende formar uma equipe para investigar possíveis abusos de vigilância contra a campanha de Trump.


O Conexão Política é um portal de notícias independente. Ajude-nos a continuarmos com um jornalismo livre, sem amarras e sem dinheiro público » APOIAR

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

O Conexão Política é um portal de notícias independente — compromissado em transmitir os fatos. Analisamos e cobrimos os principais assuntos da política. Contribua: apoia.se/conexaopolitica

alan correa criação de sites