Redes Sociais

EUA

Parlamento aprova proibição do aborto até em caso de estupro em Missouri, nos EUA

Redação

Publicado

em

Missouri House of Representatives (Imagem: Richard F. Ebert)

Parlamentares do estado americano Missouri aprovaram, nesta sexta-feira (17), uma legislação que proíbe o aborto no estado mesmo em casos de estupro. A lei também veta o procedimento após a oitava semana de gravidez. O projeto foi aprovado por 110 votos contra 44.

O projeto já havia sido aprovado no Senado e agora foi aprovado pela Câmara do estado. Porém, ainda necessita ser sancionada pelo governador do estado, Mike Parson, do Partido Republicano.

A única exceção à essa nova lei é em casos onde na gravidez há algum risco de saúde para a mãe.

O estado do Alabama, também governado pelo Partido Republicano através da governadora Kay Ivey, também proibiu o procedimento, com uma diferença: o aborto não poderá ser feito em nenhum estágio da gravidez.


O Conexão Política é um portal de notícias independente. Ajude-nos a continuarmos com um jornalismo livre, sem amarras e sem dinheiro público » APOIAR

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

O Conexão Política é um portal de notícias independente — compromissado em transmitir os fatos. Analisamos e cobrimos os principais assuntos da política. Contribua: apoia.se/conexaopolitica

Parceiros

alan correa criação de sites