Redes Sociais

Mundo

ONG venezuelana acusa força de elite de Maduro de ter matado 205 pessoas em 2018

Matheus F. Romero

Publicado

em

O ditador da Venezuela, Nicolás Maduro (Imagem: Reprodução)

Uma ONG venezuelana afirmou que uma força de elite da polícia do país, criada pelo ditador Nicolás Maduro, foi responsável pelo assassinato de 205 pessoas em 2018, informa O Antagonista.

O Provea (Programa Venezuelano de Educação e Ação em Direitos Humanos) diz que as chamadas Faes (Forças de Ações Especiais) se converteram em um “esquadrão da morte” a mando da ditadura.

De acordo com a ONG, a maior parte das vítimas morava em bairros pobres, e os agentes registraram os assassinatos como “mortes por enfrentamento” ou “resistência a autoridade”.

Estudante, músico e defensor da liberdade.

Publicidade
1 Comentário

1 Comentário

  1. LEONARDO DINIZ

    13.02.2019 at 11:46

    A SUA HORA VAI CHEGAR SEU PICARETA!!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Apoiar

Parceiros

Publicidade

alan correa criação de sites