Redes Sociais

Mundo

Michael Schumacher está com a saúde ‘muito alterada e deteriorada’, diz neurocirurgião italiano

Há seis anos, o ex-piloto teve lesão cerebral traumática ao esquiar fora de pista nos Alpes franceses.

Redação

Publicado

em

AFP

A lenda da Fórmula 1, Michael Schumacher, provavelmente está “muito alterada e deteriorada” seis anos depois de sofrer ferimentos graves na cabeça após um acidente de esqui em 2013 e será “uma pessoa muito diferente da que nos lembramos”, de acordo com um importante neurocirurgião.

A informação é do jornal italiano Motorsport.

Schumacher, 51, não é visto em público desde que sofreu uma lesão cerebral traumática ao esquiar fora de pista nos Alpes franceses.

Ele foi colocado em coma clinicamente induzido por seis meses até junho de 2014 e desde então foi tratado em particular em sua casa na Suíça. Pouco se sabe sobre sua recuperação.

No entanto, o principal cirurgião Nicola Acciari, disse a um jornal italiano que o sete vezes campeão mundial de Fórmula 1 agora será um homem completamente diferente e é improvável que se recupere verdadeiramente de seus ferimentos.

Precisamos imaginar uma pessoa muito diferente daquela que lembramos na pista, com uma estrutura orgânica, muscular e esquelética muito alterada e deteriorada”, disse ela à Contro Copertina.

Tudo como resultado do trauma cerebral que ele sofreu”, acrescentou.

O alerta do neurocirurgião vem depois que Jean Todt, seu ex-gerente da Ferrari, no ano passado garantiu aos fãs que Schumacher ‘ainda estava lutando’.

Sempre tomo cuidado com essas afirmações, mas é verdade. Eu vi a corrida junto com Michael Schumacher em sua casa na Suíça”, disse ele.

Michael está nas melhores mãos e é bem cuidado em sua casa. Ele não desiste e continua lutando”, completou o neurocirurgião.

Com informações, Motorsport e MSN

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

O Conexão Política é um portal de notícias independente — compromissado em transmitir os fatos. Analisamos e cobrimos os principais assuntos da política. Contribua: apoia.se/conexaopolitica

alan correa criação de sites