Redes Sociais

Mundo

Governador chora ao falar sobre tragédia em Beirute: “Lembra Nagasaki”

Raul Holderf Nascimento

Publicado

em

Reprodução | Sky News

Durante uma entrevista ao vivo para uma rede de televisão, o governador da cidade, Marwan Abboud, no Líbano, chorou ao comentar sobre forte explosão ocorrida em um armazém na zona portuária de Beirute.

Abboud disse que nunca viu “uma destruição nesta escala”.

Em determinado momento da entrevista, cedida à Sky News, ele comparou a tragédia ao que aconteceu em Hiroshima e Nagasaki no Japão e chamou a explosão de “catástrofe nacional”.

A tragédia deixou pelo menos 78 mortos e cerca de 4 mil feridos.

Segundo as autoridades locais, há fortes indícios que a explosão tenha se originado em um armazém. A substância apontada, até o momento, que teria provocado a explosão, seria o nitrato de amônio, que é um tipo de fertilizante.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Professor, cristão, colunista, e redator. Amo ciências políticas, sou conservador e nordestino com orgulho.

alan correa criação de sites