Redes Sociais

França

França deve pagar indenização a terrorista do EI acusado dos ataques de Paris em 2015

Thaís Garcia

Publicado

em

França deve pagar indenização a terrorista do EI acusado dos ataques de Paris em 2015 20
Imagem: L'Express

O Estado francês terá que pagar ao único terrorista do Estado Islâmico sobrevivente dos ataques de Paris de 2015, Salah Abdeslam, 500 euros em indenização pelas circunstâncias em que foi detido na prisão.

Em 2016, Abdeslam (29 anos) foi preso em Bruxelas e extraditado para a França, onde foi detido na prisão de Fleury-Mérogis, perto de Paris. Ele foi filmado 24 horas por dia em sua cela, enquanto uma lei para tornar isso possível, ainda não havia sido aprovada pelo parlamento.

De acordo com um tribunal administrativo, o terrorista estava ilegalmente sob vigilância por vídeo permanente.

Abdeslam, que foi condenado a 20 anos por uma troca de tiros com a polícia no ano passado, recusou o dinheiro, informou o jornal Le Figaro.

O julgamento do tribunal administrativo aconteceu em 2017 e é descrito em um livro recentemente publicado pelo advogado de Abdeslam, Frank Berton.

Atentados terroristas
Em novembro de 2015, 131 pessoas foram mortas nos ataques em Paris. Os alvos foram a casa de shows Bataclan, bares, restaurantes e um estádio de futebol.

Provavelmente, a ação pelos atentados terroristas em Paris se iniciará no final do próximo ano.

Abdeslam também é suspeito de ter participado do ataque terrorista em Bruxelas, na Bélgica em março de 2016.

 


O Conexão Política é um portal de notícias independente. Ajude-nos a continuarmos com um jornalismo livre, sem amarras e sem dinheiro público » APOIAR

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Correspondente Internacional na Europa. Cristã, casada, mãe e bacharel em Relações Internacionais.

Parceiros

Publicidade

alan correa criação de sites