Redes Sociais

Mundo

França e ONU repudiam decisão de Trump sobre Jerusalém

Raul Holderf Nascimento

Publicado

em

O presidente da França, Emmanuel Macron, afirmou nesta quarta-feira (06/12), que seu país não está de acordo com a decisão do americano Donald Trump, de reconhecer Jerusalém como capital de Israel.

“Esta é uma decisão lamentável que a França não aprova e vai contra o direito internacional e todas as resoluções do Conselho de Segurança da ONU”, diz Macron.

O secretário-geral das Nações Unidas, Antônio Guterres afirmou não haver alternativa a uma solução de dois Estados para israelenses e palestinos na qual o status de Jerusalém será definido entre as duas partes.

“Neste momento de grande ansiedade, quero deixar claro que não há plano B”, disse o português. “Farei de tudo para que os dois lados retornem à mesa de negociação.”

É nítido ver o quanto muitas nações odeiam a nação de Israel.

Jornalista, professor e comentarista político. Cobre os bastidores de Brasília no Conexão Política.