Redes Sociais

Europa

Idoso, que atirou com arma não-letal em “refugiado” ladrão, corre o risco de ser processado na Bélgica

Thaís Garcia

Publicado

em

Idoso, que atirou com arma não-letal em “refugiado” ladrão, corre o risco de ser processado na Bélgica 16
Imagem: NIPW

Na madrugada de quinta-feira (26), um homem aposentado atirou com uma arma não-letal contra dois ladrões que invadiram sua casa em Marche-en-Famenne, na Bélgica. Os delinquentes haviam escapado de um campo de refugiados na região, informou o Nieuwsblad.

Um dos assaltantes ficou ferido e o outro foi detido e ouvido pela polícia local, confirmou o promotor público da província belga de Luxemburgo.

O fato ocorreu por volta das 2 horas da manhã, na casa de um casal de idosos em uma rua remota de Marche-en-Famenne, na Bélgica.

O casal foi acordado pelo barulho, após o qual o idoso foi dar uma olhada, armado com uma pistola não-letal. No entanto, ele ficou cara a cara com dois ladrões e “abriu fogo” várias vezes.

Um dos assaltantes refugiados, de 17 anos, ficou ferido. O outro de 18 anos de idade fugiu, e mais tarde foi pego pela polícia. O mais novo foi operado na quinta-feira (26) à tarde.

O Ministério Público investigará agora até que ponto os dois também são responsáveis por uma onda de roubo na região.

O idoso não tem passagem pela polícia. Ele comprou sua arma não-letal em 1980, mas ela não foi registrada. Ele agora corre o risco de ser processado por administrar golpes e ferimentos.

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »

Correspondente Internacional na Europa. Cristã, casada, mãe e bacharel em Relações Internacionais.

Parceiros

alan correa criação de sites