Redes Sociais

Europa

EUA buscam libertar a Europa Central de sua dependência de recursos energéticos da Rússia

Thaís Garcia

Publicado

em

Imagem: Denis Vyshinsky

Durante uma coletiva de imprensa na 56ª Conferência de Segurança de Munique na Alemanha, o Ministro das Relações Exteriores da Polônia, Jacek Czaputowicz, disse que os Estados Unidos se comprometeram a apoiar os investimentos em energia da Iniciativa dos Três Mares (Three Seas) com US $ 1 bilhão.

“O apoio americano é uma declaração muito importante que prova a seriedade com que os Estados Unidos tratam a iniciativa dos ‘Três Mares’”, disse Jacek Czaputowicz.

Czaputowicz afirmou que os EUA querem demonstrar seu apoio ao se engajar no desenvolvimento da infraestrutura da Europa Central dos países dos Três Mares, que inclui os 12 países: Áustria, Bulgária, Croácia, Eslováquia,  Eslovênia, Estônia, Hungria, Letônia, Lituânia, Polônia , República Tcheca e Romênia.

“Os fundos poderão ser usados ​​para aumentar a transferência de recursos energéticos e a melhoria do estado da infraestrutura”, disse Czaputowicz.

O ministro das Relações Exteriores da Polônia afirmou que a cúpula da Iniciativa dos Três Mares 2020 será realizada na Estônia. Ela se concentrará no desenvolvimento de infraestrutura rodoviária e ferroviária no eixo Norte-Sul dos países dos Três Mares e em infraestrutura energética.

Czaputowicz explicou que a questão principal é criar uma possibilidade de transferência de gás entre os países, o que será benéfico para os países membros dos Três Mares (Three Seas), assim como para países como a Ucrânia.

Independência energética

Ele ressaltou que o apoio dos EUA deve ser interpretado como um impulso para que os países da região se tornem independentes das entregas de recursos energéticos russos e que ele vê o problema como uma tentativa dos EUA de se envolver com os assuntos da região.

“Esses são gestos muito importantes que mostram que os EUA estão de olho nessa parte da Europa, e isso é muito importante para nós”, enfatizou o ministro das Relações Exteriores da Polônia.

Relações transatlânticas

Czaputowicz acrescentou que os países dos Três Mares também querem manter relações transatlânticas e manter a longevidade e eficiência da OTAN.

No início da conferência em Munique, o secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, anunciou que os EUA se comprometeram a transferir até US $ 1 bilhão para os países da Iniciativa Três Mares para apoiar os investimentos em energia.

Pompeo garantiu que esses fundos serão transferidos pela Corporação Financeira dos EUA para o Desenvolvimento Internacional (DFC – International Development Finance Corporation), com o apoio do Congresso dos EUA. O Secretário argumentou que o objetivo é “revigorar os investimentos privados” nos setores de energia dos Estados membros.

A Corporação Financeira de Desenvolvimento Internacional dos EUA (DFC) é uma agência independente do governo dos EUA que fornece financiamento para projetos de desenvolvimento privado. Ela  DFC ajuda as empresas a se expandir para mercados emergentes, financia soluções para os desafios mais críticos que o mundo em desenvolvimento enfrenta e reforça a política externa dos EUA e os interesses de segurança nacional.

.

 

Ajude-nos a mantermos um jornalismo LIVRE, sem amarras e sem dinheiro público. APOIAR »
alan correa criação de sites